Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Viajante de fraldas

Blog sobre viagens com crianças, actividades, psicologia infantil e muito mais.

Viajante de fraldas

Blog sobre viagens com crianças, actividades, psicologia infantil e muito mais.

Amesterdão: 10 pratos que deve provar!

31.03.18 | Viajante de fraldas

 

IMG_6453.jpg

 

Uma coisa que nunca pode faltar nas nossas viagens é a comida! Adoramos explorar novos sabores e conhecer os países através da gastronomia. Amesterdão não e conhecida pela sua gastronomia, mas existem alguns pratos típicos que não podem perder. 

 

A empresa Freewalkingtoursamsterdam tem um Food tour gratuito fantástico onde vão poder provar alguns dos pratos típicos da cidade e se tiverem a sorte de ter como guia do tour o Sem então preparem-se porque vão ter uma experiencia inesquecível. Existem pessoas que marcam os locais que visitamos e ele foi sem dúvida a pessoa que marcou a nossa visita a Amesterdão. Ele tem descendência portuguesa, não fala português mas sabe algumas palavras e músicas, imaginem visitarem os canais ao som do “quero cheirar o teu bacalhau” cantado por um holandês.

22815402_1403988706336279_1878851261117470909_n.jp

Foram 2h de pura diversão aliada a partilha de conhecimentos. 100% recomendável! 

1. Haring - Arenque cru 

Arenque cru é muito tradicional na Holanda e deve ser experimentado pelo menos uma vez. Não achei mau mas também não morri de amores. A preparação do peixe deve ser feita de acordo com a tradição holandesa, onde o peixe fresco é limpo a bordo dos barcos de pesca, deixando o pâncreas no peixe. As enzimas pancreáticas realizam grande parte da preservação do arenque, de modo que a salmoura em que são mantidos precisa de menos sal. Tradicionalmente é servido com cebolas picadas ou picles e deve ser consumido inteiro segurando o peixe pela cauda mas para os menos corajosos também pode ser comido em pedaços pequenos ou acompanhado por pão. 

IMG_1190.JPG

 

IMG_1191.JPG


2. Kaas - Queijos

Os queijos holandeses são muito conhecidos. Quem nunca ouviu falar do Gouda e do Edam? 
No food tour fomos fazer uma prova de queijos, eu pessoalmente não sou apreciadora de queijos mas o Rafael adorou.

IMG_1174.JPG

 

IMG_1168.JPG

 

IMG_1169.JPG

 

IMG_1171.JPG

 

3. Kroketten

Dizem que surgiram pela primeira vez em 1800, como forma de aproveitar sobras de carne. Em 2008 realizaram um estudo que concluiu que por ano são consumidos na Holanda mais de 350 milhões de croquetes.Quando falamos de Krokettens em Amesterdão temos que falar obrigatoriamente em FEBO. Febo é o nome de uma cadeia de fast food que existe desde 1941 e que se tornou famosa pela forma de venda que utilizam. As lojas dessa cadeia são preenchidas por máquinas com pequenas janelas onde podemos encontrar os diversos produtos que comercializam, basta colocarmos as moedas e a janela abre-se para podermos tirar o que escolhemos. Fácil, prático, sempre disponíveis e sempre quentinhos.

 

 

20171027_145245141_iOS.jpg

 

20171027_145302252_iOS.jpg

 

20171027_145600303_iOS.jpg

 

4. Stroopwafel

Foi feito pela primeira vez na cidade de Gouda, durante o século XVIII. Consiste numa bolacha de waffle feito de duas camadas finas de massa com um recheio de caramelo no meio. Mesmo para quem não seja guloso é impossível resistir a um Stroopwafel acabadinho de fazer.

IMG_1198.JPG

 

20171027_115830210_iOS.jpg

 

5. Bitterballen

São uma espécie de almôndegas panadas. São feitas de carne picada, caldo de carne, farinha, manteiga, ervas e especiarias, envoltas em pão ralado e fritas, normalmente são servidos com mostarda.

751ddc48-c6be-456b-b150-1115fec20ece-istock-669653

6. Kibbeling

Fish and chips holandês, basicamente é um peixe frito normalmente acompanhado por molho tártaro ou maionese de alho e batatas fritas.A origem desse prato remota ao início do século XIX em que as pessoas com menos possibilidades económicas aproveitavam as partes que os ricos não queriam dos peixes, nomeadamente as bochechas do bacalhau, envolviam-nas numa polme e fritavam-nas. Hoje em dia já são feitas com vários tipos de peixes brancos.

1200px-Kibbeling_001.JPG

7. Stamppot

Consiste num puré de batata com vários vegetais, normalmente com espinafre, cenoura e cebola, e é acompanhado com uma rookworst, uma espécie de salsicha fumada.

img_rezeptXXL_29.jpg

8. Appelbeignets

Pode ser descrito como um cruzamento entre uma tarte de maçã e donuts, o exterior  dourado e crocante e a maçã por dentro é cozida e macia. São tradicionalmente servidos nas celebrações da véspera de Ano Novo na Holanda, mas nós fomos em Outubro e tivemos a oportunidade de experimentar.

IMG_1118.JPG

9. Poffertjes

Pequenas  panquecas tipicamente servidas com açúcar em pó e manteiga, mas também  podem ter outras coberturas, como geleias, chantilly ou frutas.

nm_12_409403P_picco_poff__4.png 

10. Vlaamse frites

Existem várias teorias sobre a origem das batatas fritas, uns defendem que tenha sido na Belgica, outros em França e outros em Espanha. Muito embora não tenha sido uma invenção Holandesa mas ele gabam-se de ter as melhores batatas fritas do mundo, servidas sempre quentes num cone de papel acompanhadas de muita maionese ou outros molhos a escolha.

20171027_110941229_iOS.jpg

 

IMG_1194.JPG

 

IMG_1209.JPG

 Até Van Gogh, o famoso pintor holandês não resistiu às batatas holandesas e usou-as para inspiração para pintar o quadro “The Potato Eaters “

download (1).jpg

 

Bom apetite!

 

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

Este blog tem comentários moderados.